DSC01665a) Educação Infantil: A avaliação do desenvolvimento do aluno é realizada mediante acompanhamento e registro de suas conquistas, dificuldades e possibilidades com o objetivo de auxiliá-lo ao longo de seu processo de aprendizagem. Os pais terão acesso a esses registros através dos relatórios semestrais e das reuniões pedagógicas, ou atendimentos individuais.

b) Ensino Fundamental e Médio: A avaliação da aprendizagem dos alunos será contínua e cumulativa, com prevalência dos aspectos qualitativos sobre os quantitativos e dos resultados dos trimestres mais os resultados finais, respeitando-se a frequência mínima exigida por lei. A escola adota, entre outros, os seguintes instrumentos de avaliação: trabalhos individuais e em grupo, relatórios, atividades de pesquisa, atividades extraclasse, participação em projetos, testes objetivos, avaliações dissertativas e orais, autoavaliação e outros processos que a iniciativa pedagógica do professor indicar, atendendo as diretrizes previstas no Plano de Ensino do componente curricular ou ano e os princípios do Projeto Pedagógico da Escola. Além dos instrumentos citados anteriormente, os alunos do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental fazem uma Prova Integrada, e o Ensino Médio, um Simulado trimestralmente.

Os alunos que apresentarem dificuldades de aprendizagem, a Escola disponibilizará as seguintes modalidades de Recuperação:

RECUPERAÇÃO CONTÍNUA para os alunos que necessitarem de retomada de conteúdos ou procedimentos pedagógicos que possam ser indicados e acompanhados pelo professor durante as aulas.

RECUPERAÇÃO PARALELA para os alunos que demonstrarem dificuldades de natureza conceitual, organizacional ou cognitiva e que necessitem de atividades e estratégias pedagógicas diferenciadas. Acontece, em horário diverso ao do período de estudo do aluno, conforme convocação e calendário a ser divulgado pela Escola.

 

4ad6df0790d749b51a9680aaf0316ad3 XL SISTEMA DE NOTAS:

Os resultados da avaliação trimestral serão expressos em notas, numa escala de zero a dez, apurados em três trimestres durante o ano letivo. A nota mínima que deverá ser alcançada pelo aluno em cada trimestre e em cada componente curricular é 6,0 (seis).

Após o encerramento de cada trimestre, o aluno que não alcançar a média 6,0 (seis), terá a oportunidade de recuperar sua nota, participando das avaliações de recuperação agendadas em calendário. A nota obtida será multiplicada por dois, somada à média do trimestre e dividida por três. Ou seja:

 

[*Média no trimestre inferior a 6,0 (peso 1) + Média da Avaliação da Recuperação Trimestral (peso 2)] : 3 = **Média do trimestre.

 

Observações:

1. Caso o resultado desse cálculo (**), seja inferior à média que o aluno já havia alcançado no trimestre antes da Recuperação Trimestral, prevalecerá a Média do Trimestre (*);

2. NÃO HAVERÁ REPOSIÇÃO DE PROVAS NA RECUPERAÇÃO TRIMESTRAL, salvo casos previstos em lei.

 

Ao término do ano letivo considerar-se-á:

  • Plenamente Aprovado, o aluno que obtiver Média Anual mínima 6,0 (resultado da soma das notas atribuídas em cada trimestre dividida por três), em cada componente curricular, assegurada a frequência mínima de 75%;
  • Em processo de Recuperação Final, o aluno que obtiver uma Média Anual inferior a 6,0 (resultado da soma das notas atribuídas em cada trimestre dividida por três), em qualquer componente curricular, assegurada a frequência mínima exigida e de acordo com o Regimento Escolar.
  • Retido, o aluno que, após o processo de Recuperação Final, não tenha atingido a Média Final mínima exigida em qualquer componente curricular e cuja reprovação tenha sido ratificada pelo Conselho de Classe Final;

A Média Final mínima para aprovação, após a Recuperação Final, é 6,0 [soma da Média Anual (peso 2) mais a nota da Recuperação Final (peso 1), dividida por três].

 

[Média Anual (Peso 2) + Média da Recuperação Final (Peso 1)] : 3 = Média Final

 

  • Retido o aluno que não obtiver a frequência mínima exigida em cada Componente Curricular e não tenha cumprido com as exigências do processo de compensação de ausência;
  • A média, após o terceiro trimestre ou Recuperação Final, poderá ser expressa em média decimal.
  • A participação nas atividades extraclasse será avaliada pelo professor. O aluno que não participar da atividade receberá atividade substitutiva.
  • O aluno que não tiver frequência igual ou superior a 75% da carga horária, em qualquer componente curricular, deverá, obrigatoriamente, participar das aulas de compensação de ausência.
  • A compensação de ausência deverá ser requerida pelo pai ou responsável, ou pelo próprio aluno, quando maior de idade, na secretaria da escola imediatamente após ser convocado pela mesma.
  • Haverá uma taxa a ser acertada no ato da requisição da compensação de ausência.

 

DSC08307REPOSIÇÃO DE PROVAS:

1. O aluno do 1º ao 5º ano do Ens. Fundamental fará a reposição de provas em data a ser agendada pelo professor durante o período de aula.

2. O aluno do 6º ano do Ens. Fundamental até o 3º ano do Ens. Médio que perder qualquer prova, deverá requerê-la, na Secretaria, no prazo estabelecido no Calendário Escolar, fazendo a inscrição e o pagamento da taxa de R$60,00 para cada prova e de R$ 90,00 para prova integrada e simulado. Caso perca o prazo, o aluno perderá o direito à realização da prova. 

 

 

Observações:

a) A prova será aplicada em horário oposto ao das aulas.

b) Duas datas serão disponibilizadas, no calendário escolar, para a reposição de provas referentes ao trimestre.

c) Não haverá reposição de prova substitutiva.

d) Não haverá reposição de prova para aluno suspenso.